Mar, a Terra dos Segredos

Sem Bandeira

“Sinto-me um homem sem bandeira.
Gosto desta liberdade. Melhor, amo esta liberdade.
As bandeiras dividem as pessoas, empobrecendo a humanidade.
A divisão deveria ser permitida apenas para pão e coração. Nunca para a mente.

O meu algoritmo de melhoria contínua não inclui a variável bandeira.”
In “Mar, a Terra dos Segredos”

Acompanha o Livro na página Facebook

A experiência de viver e trabalhar num navio de cruzeiros,
passada ao papel na 1ª pessoa!

Autor: Álvaro Máximo Sardinha
Ilustração: Paula Ruivo
Publicação: Chiado Editora
Lançamento: Maio 2015

 

Comentar

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

w

Connecting to %s

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.